FORMAÇÃO PSICANALÍTICA

 

A Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro (SBPRJ) tem uma longa tradição como entidade formadora de psicanalistas através do seu Instituto de Formação Psicanalítica.

  

Recentemente, foi efetuada importante reforma relativa ao Curso de Formação Psicanalítica no Instituto de Formação Psicanalítica da SBPRJ, com mudanças significativas quanto aos requisitos para ingresso, ao processo de seleção e aos critérios de acompanhamento e avaliação nos períodos cursados.

 

Considerando a realidade brasileira que reflete uma desigualdade ímpar persistente em nosso país, a SBPRJ e seu Instituto de Formação Psicanalítica têm dentre seus objetivos expandir o alcance racial e social dos postulantes à Formação.  

 

Nesse sentido, foi aprovado o Programa Social/Racial, destinado a promover a ampliação do acesso à formação psicanalítica no Instituto da SBPRJ para profissionais de baixa renda – prioritariamente, afrodescendentes e de populações indígenas – e ainda, refugiados de outras nacionalidades, e brasileiros, incentivando-os a candidatarem-se ao processo seletivo.

 

O postulante à formação psicanalítica através do Programa Social/Racial, deverá inscrever-se no mesmo, comprometendo-se com todas as normas que o regulam. (Estas normas se encontram descritas ao final)

A condição particular, racial e socioeconômica, que leva ao pleito do profissional pela admissão ao Programa, será avaliada dentro do próprio processo de seleção conduzido pela Comissão de Seleção do Instituto da SBPRJ.

Definida a condição particular, racial e socioeconômica do postulante para a admissão ao Programa, o processo de seleção seguirá o disposto a seguir, que abrange todos os postulantes à formação, independente de pertencer ou não a este Programa.

I - PROCESSO DE SELEÇÃO

 

O processo de seleção se dará em duas etapas, Módulo I e Módulo II, assim compreendidas:

MÓDULO I

 

• Pré-requisito: Curso Superior completo

 

∙ Entrevistas de Acesso – Uma série de 03 (três) entrevistas com membros da SBPRJ especificamente designados para este fim.

Uma vez aprovado nas entrevistas de acesso, e em análise pessoal, nas condições acima descritas, o postulante estará apto a fazer sua inscrição como aluno do Instituto de Formação Psicanalítica da SBPRJ, devendo matricular-se no Período Preliminar da Formação Psicanalítica, etapa probatória do processo seletivo, pré-requisito para o Módulo II da seleção.

 

∙ Análise PessoalDeverá ter início – caso ainda não se tenha iniciado - tão logo o postulante seja aprovado nas Entrevistas de Acesso; e deverá ser realizada com analista Membro Efetivo ou Titular de uma Sociedade filiada à Associação Internacional de Psicanálise (IPA), com a frequência mínima de 3 (três) sessões por semana. No Rio de Janeiro, são três as Sociedades filiadas à IPA: Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro (SBPRJ), Sociedade Psicanalítica do Rio de Janeiro (SPRJ) e Associação Psicanalítica do Rio de Janeiro (APERJ).

 

Uma vez aprovado nas entrevistas de acesso, e em análise pessoal, nas condições acima descritas, o postulante estará apto a fazer sua inscrição como aluno do Instituto de Formação Psicanalítica da SBPRJ, devendo matricular-se no Período Preliminar da Formação Psicanalítica, etapa probatória do processo seletivo, pré-requisito para o Módulo II da seleção.

 

II- PERÍODO PRELIMINAR (2 anos)

Cursos:

> Estudo da Obra de Sigmund Freud

> Desenvolvimento Emocional do Bebê à Adolescência – incluindo a Observação da Relação Mãe-Bebê

> Curso Temático de Técnica 

> História do Desenvolvimento do Pensamento Psicanalítico

GAAC - Participação no Grupo de Acompanhamento e Avaliação Contínua (GAAC), instância que acompanha e avalia o aluno durante todo o seu percurso no Instituto.

O objetivo desse Período Preliminar é acompanhar o aluno e avaliar tanto o seu desempenho teórico quanto a sua capacidade, interesse e sensibilidade para a prática clínica; do mesmo modo que propiciar ao aluno a oportunidade de conhecer a Instituição, encontrar ou não afinidades, e reafirmar o seu desejo de tornar-se psicanalista.

 

MÓDULO II

 

• Entrevistas Conclusivas - Após a conclusão satisfatória do Período Preliminar e a recomendação do GAAC, para dar continuidade ao Curso de Formação Psicanalítica, o aluno passará por uma segunda série de 3 (três) entrevistas, com membros da SBPRJ especificamente designados para este fim. Uma vez aprovado, o aluno dará sequência ao Curso de Formação, passando à categoria de Membro Provisório da SBPRJ e dando início ao Período de Qualificação.

 

Caso o aluno não seja aceito no MÓDULO II, terá o certificado, emitido pelo Instituto da SBPRJ, com o histórico dos cursos realizados.

 

II - PERIODO DE QUALIFICAÇÃO

Ao longo do período de qualificação o aluno, agora membro provisório da SBPRJ, terá oportunidade de frequentar cursos e iniciar a construção de sua identidade teórica, participar de seminários clínicos, ao mesmo tempo em que dá início à realização de análises supervisionadas. Terá, também, a oportunidade de realizar um estágio supervisionado em instituição psiquiátrica.

BAIXAR O EDITAL COMPLETO

Para dúvidas e/ou mais informações sobre a Formação Psicanalítica na Brasileira, entre em contato com o secretário administrativo do Instituto - Daniel Loureiro. E-mail: instituto@sbprj.org.br  

Instituto de Formação Psicanalítica