Saiba Mais

“Grupos de Imaginação” como contraponto à situação traumática: a experiência do Projeto Travessia em

Publicado da Revista TRIEB, Volume XIII, nº2, 2014


Resumo: O presente trabalho teve como objetivo compartilhar algumas experiências do ProjetoTravessia (PROPIS/SBPRJ), desenvolvido há cinco anos com populações vulneráveis da cidade do Riode Janeiro. A partir das atividades realizadas nos chamados “Grupos de Imaginação”, deparamo-nos comuma série de vivências de caráter traumático, marcadas pela dimensão do excesso, a qual se evidenciapela intensidade das excitações, bem como pela ausência de continência de tais intensidades. Emambientes vulneráveis, que se organizam com pouquíssimos recursos de amparo social, as falhas,excessos e faltas traumáticas encontram-se potencializadas. A metodologia do Projeto Travessia ébaseada em uma proposta de cuidados, que implica na criação de um espaço de contenção e integraçãogrupal, no intuito de favorecer a (re)construção daquilo que encontra-se fragmentado.

Palavras-chave: imaginação; trauma; cuidados


Baixe aqui o PDF com o artigo completo


Conheça mais sobre a TRIEB