Saiba Mais

Entrevista com Luiz Aquila

"Sou carioca em Petrópolis, casado, tenho filhos e netos. Sempre tive vontade de ser pintor. A pintura me puxou. São imperativos pessoais, a necessidade de pintar, a necessidade de manter a criação plástica em movimento."


Em que ponto você está?